quinta-feira, 25 de agosto de 2011

O que não se deve comer durante a gravidez e os seus riscos - by Roberta Lopes

Hoje resolvi pesquisar e compartilhar com vocês uma dúvida frequente das grávidas: o que não posso comer ou beber durante a gravidez? Eu mesma confesso que, mesmo passando pela segunda gravidez, ainda tenho essas dúvidas. Essa semana mesmo fiquei gripada, com a garganta doendo, e sem poder tomar medicamentos pra gripe, fiquei em dúvida se poderia usar produtos naturais ou algum chá pra aliviar meus sintomas. Acabei descobrindo muita coisa interessante!

Não se deve comer durante a gravidez:

1- Queijos moles: mesmo os feitos com leite pasteurizado, incluindo o brie, brie azul, cambonzola, camambert, crottin, tallegio, queijo fresco (minas, ricota), Philadelphia, Dairylea, Mozzarella, Chaumes, queijo da serra, Pont L'Eveque, Taleggio, acherin-Fribourgeois, Bergader, Bleu d'Auvergne, Wensleydale, Shropshire Azul, Gorgonzola, Roncal, Roquefort, Stilton, Wensleydale (azul).

Risco: Listeriose (infecção por bactéria).

2- Leite de vaca, cabra, ovelha e derivados não pasteurizados.

Risco: Salmonelose, E. coli 0157, Toxoplasmose, Brucelose.


3- Gelados e sorvetes caseiros, bem como gelados que possam conter derivados de ovo ou conservados em locais ou recipientes de menos segurança.

Risco: Salmonelose.

4- Alimentos que possam conter ovo cru, como maionese caseira, sobremesas como ovos moles, musses, ovo frito com a gema mole, massa de bolo, gemada, fios de ovos, manjar, pudim, creme brûlée.

Risco: Salmonelose.

5- Carne crua e mal passada, como carpaccio ou tártaros. Carnes defumadas não cozidas, incluindo bacon, mortadela, presunto, etc. Fígado, miúdos e derivados como quaisquer tipo de patês (evitar a sobrecarga da forma retinóica da vitamina A, que pode ser prejudicial ao feto).

Risco: Toxoplasmose.

6- Carne de aves ou caça mal passada.

Risco: Salmonelose e Listeriose

7- Peixe cru ou mal passado em carpaccio, tártaro, sushi, ou sashimi. Peixe rico em mercúrio como tubarão, peixe-espada, espadim, cavala, cação, atum e perca. Peixe defumado não cozido como salmão ou truta.

Risco: Toxoplasmose e níveis excessivos de mercúrio.

8- Marisco cru ou mal cozido, ostras.

Risco: Salmonelose e Campilobactéria.

9- Saladas, legumes e frutas não lavadas. Saladas que possam levar ovo mal cozido ou maionese caseira.

Risco: Toxoplasmose e Listeriose.



10- Bebida alcoólica:

Risco: Mulheres que tomam mais de seis doses de álcool por dia correm o risco de ter filhos com síndrome alcoólica fetal. Crianças nascidas com essa síndrome sofrem de retardo mental e do crescimento e de distúrbios de comportamento, e apresentam malformações cardíacas e na face. As mulheres que consomem mais de dois copos de bebidas alcoólicas por dia durante a gestação têm mais chances de dar à luz a bebês com problemas de fala e linguagem, de concentração e de hiperatividade, se comparadas àquelas que não bebem. Tais características são conhecidas como efeitos alcoólicos fetais -- uma consequência menos grave, mas ainda assim bastante séria, da ingestão de álcool durante a gravidez.

11- Café, refrigerante de cola, chá mate, chimarrão:

Risco: São bebidas que contém cafeína. Pesquisas ligaram o consumo de mais de 300mg de cafeína por dia ao risco de aborto espontâneo e de a criança nascer com baixo peso, e um estudo especulou que até doses bem pequenas de cafeína já podem influenciar na perda do bebê. Ao consumir uma bebida com cafeína, a mulher tem seu ritmo cardíaco e seu metabolismo alterados, o que consequentemente afeta o bebê. A cafeína pode fazer com que as veias do corpo se contraiam, diminuindo o fluxo de sangue para a placenta. E, porque passa tão facilmente pela placenta e chega ao bebê, pode diretamente prejudicar suas células em desenvolvimento. Não tome mais que três xícaras de café por dia, e, se possível, prefira bebidas descafeinadas.

12- Adoçantes artificiais: prefira aqueles à base de frutose, sucralose e Stevia.

Risco: O aspartame, substância comum em alimentos light, como refrigerantes, está proibido, há relatos de que esse componente pode ultrapassar a barreira placentária e interferir no desenvolvimento neurológico do bebê.

13- Feijão, repolho, ovo, amendoim, pipoca: são alimentos que fermentam, devem ser evitados principalmente no jantar, pois causam gases.





14- Pimenta: A pimenta não faz mal do ponto de vista de má-formação do bebê nem é abortiva, só que ela muda o pH do estômago e isso sim tem consequências ruins para a mulher, já que a gravidez em si causa modificações digestivas muitas vezes desagradáveis (como intestino mis lento, refluxo, azia). No final da gravidez, as hemorróidas são comuns, e podem ficar mais sensíveis e doloridas se você comer muita pimenta.

15- Chás: podem dificultar a absorção do ferro dos alimentos, o que pode favorecer o surgimento de anemia. Também dificulta absorção do cálcio e proteínas. Recomenda-se evitar qualquer tipo de chá no 1º trimestre da gravidez.

Contra-indicados: Boldo, Carqueja, Chá Verde/branco (prejudica absorção de ácido fólico), Chá Mate, Chá preto, Chimarrão (à base de erva-mate, uma planta que contém cafeína, além de teofilina e teobromina, outras substâncias estimulantes e não recomendadas para mulheres grávidas).

Outras plantas nocivas são: Canela e Cravo da Índia (abortivos), absinto, abutua, acorus, alcaçuz, alecrim, algodoeiro, arnica, arruda, cânfora, cipó-mil-homens, espinheira, espirradeira, flor de maracujá, ginseng, lavanda, losna, pimentão, sanguinária, várias ervas amargas e laxativas como babosa, cáscara sagrada, sene.

Na dúvida, sempre pergunte ao seu Ginecologista a opinião dele a respeito destes alimentos. Não vá pela sabedoria popular nem pela indicação da sogra ou da vizinha. Se cuide!

Referências:

http://demaeparamae.pt/artigos/que-se-pode-comer-durante-gravidez-seus-riscos
http://brasil.babycenter.com/pregnancy/e-seguro/pimenta/
http://brasil.babycenter.com/pregnancy/e-seguro/bebidas-alcoolicas/
http://brasil.babycenter.com/pregnancy/e-seguro/#comida
http://brasil.babycenter.com/pregnancy/alimentacao/saudavel/
http://www.gestantes.net/gravida-pode-comer/
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI2790-10563,00.html
http://www.gestantes.net/o-que-uma-gravida-nao-deve-comer/
http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI9760-10563,00.html
http://curapelanatureza.blogspot.com/2008/05/ch-durante-gravidez-ateno-nunca-demais.html
http://www.e-familynet.com/phpbb/bebezinhos-0-12-meses-vf1.php/image-vp3732987.html

18 comentários:

  1. òtimo post, irei usar na minha 2ª gravidez com certeza essa fonte de pesquisa amiga. Parabéns!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. LEMBRANDO que o feijão é fonte de ferro e extremamente recomendado para gestantes né Rô.....quem tá com problemas de gases evita a noite mas ficar sem nem pensar!!! AMEI!! Bjos

    ResponderExcluir
  3. Muito legal sua pesquisa RO, amei! Ótimas dicas. Realmente a bebida alcóolica faz um estrago muito grande na formação do bebê, assim como o cigarro, que infelizmente algumas mulheres não conseguem abandonar nem engravidando.
    Beijos!!!!!

    ResponderExcluir
  4. nada a ve isso ai,eu odiei,e passei ate raiva...pq meu medico falou que eu posso comer a maioria das coisas que estao ai...muito mal informada essa pesquisa...

    ResponderExcluir
  5. Elaine, esse post da Roberta é resultado de uma pesquisa sobre este assunto e cada especialista tem um pensamento. se você confia no seu médico, faça como ele diz. tenha uma boa gestação e saúde para seu bebê.

    ResponderExcluir
  6. Eliane, como a KK Faria comentou cada medico pensa diferente e tudo o que foi escrito veio de pesquisa e de fontes confiaveis como vc pode ler acima. Porem cada um segue sua cabeca e o que melhor lhe convier, so nao se estresse tanto a ponto de passat raiva que fara mal ao seu bebe!! Ok? Boa gestacao!!!!

    ResponderExcluir
  7. gente, não pode comer nada???? isso não existe!

    ResponderExcluir
  8. Cara Nina, é claro que se pode comer, desde que você saiba que os alimentos tenham boa origem e tenham sido manuseados com a devida higiene. Risco temos em qualquer lugar, não é mesmo?

    ResponderExcluir
  9. otima pesquisa adorei estou com 22 semanas e ajudou muito;

    ResponderExcluir
  10. Completamente exagerado essas informações. Muitos dos alimentos citados podem sim ser consumidos.

    ResponderExcluir
  11. Era mais fácil ter dito o que se pode comer! Não poder comer pudim durante 9 meses é demais! E o queijo??? Aff

    ResponderExcluir
  12. Posso comer ata grávida e depois tomar cafe

    ResponderExcluir
  13. Eu tomei cafe com pimenta do reino uma vez..estou preocupada..pois nao saboa que estava gravida

    ResponderExcluir
  14. Por favor me ajude..estou desesperada.acho que estou de 1 mes

    ResponderExcluir
  15. Shalimar nutriequilibrio5 de julho de 2014 15:36

    Consultem um nutricionista pelo amor de deus!!!

    ResponderExcluir
  16. Ha eu me cuido muito to com 20 semanas. Meu bebê ta saudável e eu também.todo coca toda a semana mas no maximo dois copos trabalha num restaurante e ganho no almoço. Um pouco é verdade um pouco é izageiro. Pois na época da minha mae da minha avó elas nem tinha informações e as crianças nasciam saudáveis e normais.

    ResponderExcluir
  17. Nossa você é totalmente sem noção. De onde você tirou essas tontices mulher, aff. Você não bate bem das idéias! !

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...