quinta-feira, 17 de março de 2011

Coleira para bebês - você usaria? - by Camila

Ontem saiu uma reportagem no site da Folha sobre o uso de "coleirinhas" para crianças de até 3-4 anos.
A reportagem traz mães relatando o uso das mochilinhas e seus benefícios, já que muitas crianças nessa fase querem explorar o mundo e essas mochilas, ajudaria dando liberdade limitada, ainda mais quando se está com as mãos ocupadas num supermercado, por exemplo.

Do site: http://www.emule.com.br

Mas o que sempre me deixa passada são as opiniões dos ditos especialistas, que sempre dizem algo como: ""Querem ter filhos, mas agir como se não tivessem (...)" ou ainda "Para sermos práticos, deixamos de lado a afetividade." Sim, concordo que nossa voz, como mãe, ou como responsável, tem que valer mais que uma "coleirinha" e que a criança deveria nos obedecer. Mas convenhamos quem nem sempre a realidade é tão linda quanto aquelas que os especialistas pintam, certo?

Eu usaria, aliás, vou usar, até porque a nossa já está encomendada, pelo ebay, e estou apenas aguardando sua chegada. Por que vou usar? Estou me recuperando de uma cirurgia na coluna e vejo essa "coleirinha" como forma de poder passeiar com a Jade, sem ter que ficar toda torta ou ter que carrega-la no colo ou amarra-la no carrinho. Quando ela tiver na idade de me dar a mão sem me deixar torta, e estiver educadinha pra andar nas ruas, rs, quero curtir poder andar de mãos dadas com ela. Mas usar a coleirinha vai me fazer ama-la menos? Não!

E o que você acha desse novo item de enxoval? Vai inclui-lo no seu? Vai pedir no chá de bebê?

9 comentários:

  1. Acho um item totalmente desnecessário.
    Já vi 3 mães usando em shopping, parque, e outras crianças zuando a encoleirada.
    A criança encoleirada berrava de dar dó.
    Visivelmente constrangida!

    Respeito quem ache necessário o uso do acessório, mas EU acho de um profundo mau gosto!

    Super beijo!!!

    ResponderExcluir
  2. Acho q pode ser um acessorio bacana, nos EUA a gente vê muito...o q pega mesmo é a questão cultural....a falta do costume de vermos uma criança com esse acessorio, mas acho q pode sim ser uma mão na roda para os pais!!!

    ResponderExcluir
  3. Na verdade eu não tenho opinião formada a respeito. O que a Fabi Coltri colocou é algo a ser considerado. Acho que depende muito do lugar e da situação. Se talvez eu estivesse passeando em um mega shopping, numa cidade mega grande, eu considerasse essa possibilidade sim, seria melhor do que perder meu filho pra sempre né? Mas em Palmas, não precisa, hehehe Aqui a cidade é muito pequena e todo mundo conhece todo mundo. E o FH é super tranquilo, não sai de perto de mim em lugar estranho de jeito nenhum. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. eu acho que deve ajudar pra criança não fugir, mas não usaria..acho estranho!

    ResponderExcluir
  5. Tb concordo que os costumes no Brasil são diferentes. Lá fora isso é corriqueiro, na Disney vi muitos desses. Mas se a gente importa tanta abobrinha, porque não importar uma ideia que pode ser boa, sem o olhar do preconceito?

    ResponderExcluir
  6. Ai, eu tb acho esquisito... não sei se usaria não. Nunca vi uma pra falar a verdade. A Rafaella não ía ficar com essa coleira nem 5 minutos. Quando saímos ela não fica nem em carrinho, nem na cadeirinha, a não ser que esteja comendo. Kk, experimenta e conta pra gente!

    ResponderExcluir
  7. eu nao usaria nao, nao faz meu estilo, sou muito grude, kkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Eu acho essa mochilinha uma ótima idéia! A criança fica com uma certa liberdade e a gente não precisa ficar sem piscar os olhos.
    Qdo meu marido viajou pros EUA em janeiro ele viu numa loja e comprou. Achei ótimo. É bonitinha, NÂO tem cara de coleira...
    Colocamos na Sophia um dia no quarto e ela não se importou muito. Acho que se começar a usar desde cedo a criança acostuma.
    Apesar de todas as críticas aqui, lembro muito bem das minhas tias entrando em pânico qdo meus primos escapuliam das mãos delas em pleno shopping e em questão de segundos sumiam! Só quem já passou por isso sabe o pavor que é.
    Criança não tem paciência, nem gosta de ficar de mãos dadas o tempo todo, eles querem andar, explorar, olhar em volta e se mexer com liberdade. Além disso, também não acho legal sair e deixar ela no carrinho o tempo todo, ela odeia!
    Ainda não uso na Sophia pq ela é muito pequena e sempre quer correr, aí é perigoso, pois pode cair no chão. Mas logo, logo, vou começar a usar com ela.

    ResponderExcluir
  9. Eu respeito quem use e acho que é bem de costume mesmo, no Brasil não é costumeiro isso, assim sendo todas as crianças que eu vi usando nos shoppings eram vistas como "tadinha". Não concordo que a criança seja tadinha, mas eu não acho que seja necessário o uso dessa coleirinha nos locais que habitualmente frequento. Em casos de impossibilidade de ficar abaixando e tal, como o da KK acho mega útil, se eu tivesse operado, usaria sim!

    Beijos flores

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...