sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Depois da gravidez - by Aline Martins

Depois que nosso bebê nasce, surge um novo dilema: voltar ao corpo original. Nossa, isso é um drama, ainda mais pra quem engordou acima da média que o médico tinha estabelecido, que é meu caso hehehe Se você estiver amamentando, a coisa complica mais, porque não dá pra fazer uma dieta muito restrita, já que amamentar consome muita energia.

Pra complicar as coisas, cuidar de um bebê nos consome energia, tempo e sono. Só isso já deveria ser considerado atividade física, mas não é. E se você contar só com isso pra emagrecer, não emagrece não.

No meu caso, a amamentação exclusiva não aconteceu, e agora, quase 3 meses depois, a alimentação do meu amorzinho passou a ser exclusivamente na mamadeira. Mas isso é história pra outro tópico. Então, as coisas, no quesito regime, ficaram mais fáceis pra mim. Para minha alegria – ou para o meu desespero hehehe – saiu uma reportagem na Veja desta semana sobre o fim do efeito sanfona. A reportagem revela algo que já sabíamos: sem atividade física fica mais difícil emagrecer. Mas ela traz algumas novidades que eu vou compartilhar agora com vocês, porque achei muito interessante.

Primeira coisa é que entre fazer somente dieta, ou fazer somente atividade física, é melhor fazer somente dieta. Pra vocês terem uma idéia, no exemplo da revista, uma mulher de 30 anos que deseja perder 9kg gastaria 126 dias para atingir o objetivo se fizesse só dieta, 252 dias se fizesse só atividade física, e 84 dias se fizer os dois. Outra coisa é que não é difícil perder peso, e sim, manter o peso alcançado. E para isso ela ensina um cálculo muito interessante.

Primeiro, você deve determinar a sua taxa de metabolismo basal (TMB). Esse índice determina o quanto seu organismo consegue processar de calorias diariamente para manter as funções vitais: o coração bater, manter a pressão e a temperatura do corpo equilibradas, respirar etc. Para achar a sua TMB você faz a seguinte conta:

TMB = 655 + (9,6 x peso em kg) + (1,7 x altura em cm) – (4,7 x idade)

Com o valor da TMB, você vai determinar a sua necessidade diária de calorias (NDC). O NDC será calculado considerando nenhuma atividade física; atividade física moderada (meia hora de caminhada, natação ou bicicleta, 4 vezes por semana); e atividade física intensa (uma hora de corrida, 4 vezes por semana ou mais).

Sem atividade física, a NDC = TMB + 20% da TMB
Com atividade física moderada, a NDC = TMB + 30% da TMB
Com atividade física intensa, a NDC = TMB + 40% da TMB


E para perder peso, o que considerar? Você deve considerar sua NDC, uma das 3, de acordo com a prática de atividade física ou não, e diminuir 500 a 600 calorias dessa conta. Assim, por exemplo, nos meus cálculos, minha NDC é de 1743,72 calorias diárias. Considerando que eu não pratico atividade física, já que infelizmente, a dedicação ao meu pimpolho não conta, para perder peso eu devo ingerir diariamente de 1243,72 a 1143,72 calorias. Aff!!!!
Para manter o novo peso, é só ingerir exatamente o NDC, sem restringir calorias.
A reportagem traz também os 10 mandamentos da manutenção do peso:

1. Praticar atividade física regularmente;
2. Pesar-se com freqüência;
3. Não perder o controle nos fins de semana;
4. Tomar café da manhã todos os dias;
5. Ingerir poucas calorias;
6. Limitar o consumo de gordura;
7. Evitar comer fora de casa – e preparar suas refeições;
8. Fazer cinco refeições diárias;
9. Pensar em calorias;
10. Eliminar o fast food do cardápio.

Eu sempre fui magrinha, e pude comer de tudo o quanto quisesse. Mas quando mais nova não levava uma vida completamente sedentária como hoje. Nunca gostei de praticar esportes, mas sempre gostei de dançar e não tinha carro, então eu andava muito a pé. Hoje eu não faço nada, e morro de preguiça de musculação, o que torna muito mais difícil perder peso. Também nunca gostei de radicalismos, como eu gosto muito de cozinhar, comer é algo que me dá muito prazer, e só de pensar em nunca mais comer alguma coisa porque engorda já me dá deprê. Mas o fato é que algum sacrifício é necessário pra perder peso, ainda mais quando se chega na casa dos 30 (quando a gente começa a acumular mais gordura e a dieta passa a ser um mal necessário e constante na nossa vida).

Bom, fica aí a dica. Espero que todas nós, mamães, consigamos recuperar a forma depois do nascimento de nossos príncipes e princesas.

Beijos pra todas!!!!

PS: Os valores das contas para determinar o quanto de calorias podemos ingerir diariamente são para mulheres. Para os homens, os valores são diferentes.

5 comentários:

  1. Adorei a materia Nine, e vamos nos organizar para pelo menos fazermos uma aulinha de spinning ne...bjs

    ResponderExcluir
  2. Bom, segundo essas contas minha TMB é 2036 cal, para emagrecer eu deveria ingerir entre 1436 e 1536 cal. Não é tão ruim não! hehehehe
    Mas quero evitar a fadiga! kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Aline, adorei o post! Depois que a Sophia nascer venho aqui dar uma conferida para colocar as dicas em prática!
    Bjusss!!!

    ResponderExcluir
  4. gostei muito do post amigaa
    graças a Deus eu ja perdi todos os kgs adquiridos na gravidez agora e so malhar pra deixar tudo durinho!
    de acordo com a continha minha TMB é 1323 cal!não e muito não!!
    doreeeiii

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...